DestaqueGuarda

Pulseira eletrónica para homem em Figueira de Castelo Rodrigo por violência doméstica

0

 Um homem de 45 anos ficou sujeito a pulseira eletrónica, depois de ser detido por suspeita de violência física e psicológica e ameaças contra a companheira, em Figueira de Castelo Rodrigo, anunciou hoje a GNR.

Segundo o Comando Territorial da GNR da Guarda, o homem foi detido na terça-feira, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo, no distrito da Guarda.

“No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência física e psicológica e ameaças contra a vítima, sua companheira, de 45 anos”, explica a GNR em comunicado hoje enviado à agência Lusa.

A nota acrescenta que no decorrer das diligências policiais “foi dado cumprimento a um mandado de detenção”.

O suspeito foi presente ao Tribunal Judicial de Figueira de Castelo Rodrigo, que lhe decretou a proibição de aproximação e de contactos com a vítima, num raio de dois mil metros, “controlado por pulseira eletrónica”.

Notícias Do Centro

Projeto municipal de apoio ao luto já abrangeu 500 pessoas em Oleiros

Notícia anterior

Museu da Covilhã conquista Prémio Acesso Cultura Linguagem Clara

Próxima notícia

Também pode gostar

Comentários

Comentários estão fechados

Mais em Destaque