DestaqueLeiria

25 Abril: 50 anos da reunião de Óbidos do Movimento dos Capitães evocada hoje

0

A reunião conspirativa do Movimento dos Capitães realizada em Óbidos, em 01 de dezembro de 1973, na Casa da Música, é hoje evocada na vila numa iniciativa da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril.

A reunião do Movimento dos Capitães juntou na vila medieval cerca de 180 oficiais, em representação de mais de 420, tendo sido considerada determinante quer para a organização do próprio movimento quer para os passos que levaram à revolução e ao derrube do regime ditatorial, em 25 de Abril de 1974.

Da reunião saíram decisões como o alargamento do Movimento dos Capitães a “todas as Forças Armadas” e a necessidade de “escolher um chefe”, partindo de sugestões como os generais Costa Gomes e António Spínola.

Dali saiu ainda eleita a Comissão Coordenadora que funcionaria até à revolução, constituída por 19 oficiais da Infantaria, Artilharia, Cavalaria, Serviço de Material, Engenharia, Administração Militar e Transmissões.

O evento é hoje à tarde evocado numa cerimónia que contará com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, do Presidente da Associação 25 de Abril, Vasco Lourenço, e da Comissária Executiva da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril, Maria Inácia Rezola.

Além do descerramento de placa evocativa a reunião de Óbidos será assinalada numa mesa redonda com José Piteira Santos, Vasco Lourenço e José Gonçalves Novo.

Notícias Do Centro

Viseu é uma região cheia de encantos para descobrir neste Natal

Notícia anterior

Exposição de Paula  Rego no Museu do Côa “é prenda para o território e para o país”

Próxima notícia

Também pode gostar

Comentários

Comentários estão fechados

Mais em Destaque